Topo da página da Seicho No Ie com logotipo


Presidente Doutrinário da
Seicho-No-Ie para a América Latina


Preletor Fumio Nishiyama





Para um ano de 2018 realmente grandioso



Reverências! Muito obrigado.


Chegamos ao auspicioso mês de dezembro, em que encerramos um ano e estamos ás vésperas de iniciar um novo ciclo de vida. O ano de 2018 já está batendo á nossa porta, e com isso desenvolvemos o sentimento de grande esperança de que no próximo ano tudo melhorará. Na verdade, este modo de pensar é correto, pois aquilo que pensarmos e sentirmos é o que veremos espelhado em nossa realidade concreta. Devemos sempre pensar que as coisas irão realmente melhorar.


No entanto, também devemos refletir no fato de que somos, indubitavelmente, os responsáveis por esta melhora. Como filhos de Deus que somos, por meio de um instrumento chamado ‘mente’, comandamos nosso destino, quer acreditemos nisso ou não; quer saibamos disso ou não. Mediante este fato, além de pensarmos que o próximo ano será melhor, devemos nos responsabilizar por fazer do próximo ano um período melhor.


A mente é como um aparelho de rádio, que capta e emite ondas mentais. Elas são invisíveis aos olhos físicos, mas são corpúsculos que existem realmente. São emanações, coisas concretas, mas por serem invisíveis parecem abstratas e até existem pessoas que não acreditam ou não sabem da sua existência. Podemos comprovar sua existência pelo fato de podermos ouvir músicas pelo aparelho de rádio ou ver programas pela televisão. Tudo isso só é possível porque estes programas são transmitidos por ondas invisíveis. O celular também funciona por este princípio.


Por meio da sintonização do nosso ‘rádio’ chamado mente, com determinadas ondas que existem no Universo, é que comandamos o nosso destino. Se possuirmos uma mente positiva, sintonizaremos com ondas positivas, e estas ondas projetarão imagens felizes e positivas em nossa vida. Porém, o contrário também acontece. Se nossas ondas mentais sintonizarem ondas mentais negativas, que também estão vibrando em toda parte, então reproduziremos uma realidade não positiva. Precisamos, pois, pensar seriamente sobre este aspecto e procurar meios de estabelecer somente uma sintonia positiva. No Livro dos Jovens, escrito pelo Mestre Masaharu Taniguchi, fundador da Seicho-No-Ie, encontramos o seguinte trecho:


“As ‘infinitas coisas boas’ do Mundo da Imagem Verdadeira compreendem a força infinita, a Vida infinita, a alegria infinita, o amor infinito, a sabedoria infinita, a provisão infinita, etc., que são ‘programas’ transmitidos por Deus. Ao lado das ondas destes ‘programas’ coexistem ondas de tristeza, de ódio, de ciúme, etc., emitidas pelas mentes das pessoas...


Entretanto, como o aparelho receptor desses ‘programas’ é a nossa mente, é necessário que ela esteja bem regulada e tenha boa sensibilidade. Além disso, precisa estar treinada para sintonizar, conscientemente, com quaisquer frequências. Assim como num rádio perfeito o seletor de frequência gira facilmente para qualquer dos lados para sintonizar com qualquer frequência, devemos ser capazes de controlar livremente a nossa mente, de modo a sintonizá-la com aquilo que desejamos.


Mudando a frequência de nossa mente, podemos concretizar a felicidade sem sairmos do ambiente em que nos encontramos.”


Na Seicho-No-Ie aprendemos diversos métodos que interferem positivamente em nossa mente, fazendo-a vibrar com elevada frequência, sintonizando o Bem. Estes métodos são a Meditação Shinsokan, a leitura dos livros e sutras sagrados, o sorriso constante, a fisionomia alegre, a empatia com todos os nossos semelhantes e demais seres vivos, a boa vontade em trabalhar para o bem do todo, a palavra positiva pensada, falada e escrita, entre outros. Os elogios, o ato de expressar o amor abertamente e pensar bem das pessoas ao redor, são também meios de manter a mente sintonizada com a Mente de Deus.


Vamos treinar com mais afinco o modo de viver colocando estes itens em prática, todos os dias, sem falta. Estas pequenas interferências positivas produzirão um ano grandiosamente positivo e cheio de realizações.


Desejo-lhe um ano de 2018 realmente positivo!


Muito obrigado.