Topo da página da Seicho No Ie com logotipo


Diretor-Presidente da Seicho-No-Ie do Brasil


Preletor Yoshio Mukai





Março, o mês consagrado que antecede a Festividade do Santuário Hoozo



Sempre no segundo final de semana de abril, a Família Seicho-No-Ie acende uma nova vela pela alma humana, entoa o hino de gratidão aos espíritos dos antepassados e varre o choro de alguns espíritos em ilusão, fazendo da Academia de Ibiúna a Pátria dos que não nasceram, e o doce ponto de encontro para se dar um abraço nos que se sentiam esquecidos.


A 61.ª Festividade do Santuário Hoozo do Brasil e a 33.ª Cerimônia no Monumento aos Anjinhos Anônimos dos Países Ibero-Americanos e África Latina (Presencial e Virtual) – CLIQUE AQUI PARA MAIS INFORMAÇÕES – é o mais importante evento do ano para a Seicho-No-Ie do Brasil, pois não pertence só a este plano, alcança espíritos de todas as origens e crenças, e celebra a Imortalidade da Vida que recebemos de nossos pais e antepassados.


O que é a Festividade – "A Seicho-No-Ie do Brasil realiza todos os anos, no mês de abril, a Festividade do Santuário Hoozo, que é uma grande festa espiritual, nas dependências da Academia Sul-Americana de Treinamento Espiritual, em Ibiúna (SP), com a finalidade de orar para os antepassados e entes queridos que já partiram para o mundo espiritual, por meio da leitura da Sutra Sagrada Chuva de Néctar da Verdade", assim explica em Os Cinco Corpos do Ser Humano, 1.ª ed., página 46, o autor Preletor Junji Miyaura.


Um evento de amor que dura o ano inteiro – A divulgação dos registros espirituais, que são os formulários nos quais almas, famílias e anjinhos vitimados por aborto são inscritos e depois consagrados, ocorre durante o ano todo. Diariamente, também ao longo dos 365 dias do ano, as almas consagradas recebem orações dos oficiantes da academia.


Nosso reconhecimento aos incansáveis companheiros de fé que promovem a Festividade, em todo o Brasil e em diversas regiões do mundo – Muitas pessoas têm parentes que partiram para o mundo espiritual com alguma ilusão, e também possuem antepassados de categorias espirituais elevadas que são nossos anjos protetores. Mas nem todas as pessoas têm a oportunidade de conhecer a Festividade e enviar seus registros espirituais.


Por isso, neste mês de março, em que estamos na reta final para a próxima edição do evento, agradeço às lideranças e aos adeptos que estão ampliando seus esforços de divulgação.


Por meio desse sagrado ato de manifestação de gratidão, a pessoa leva Luz às almas que necessitam, e sintoniza melhor com as vibrações de proteção dos espíritos elevados que figuram entre seus antepassados.


A importância deste trabalho é tão grandiosa quanto a eternidade, e tão sublime quanto o Amor que Deus dedicou aos homens quando criou o mundo. Esforcemo-nos ainda mais nesta linda jornada em prol da salvação da humanidade.



Muito Obrigado!