Para enfrentar momentos críticos

Há pessoas que, diante de situações difíceis, ficam presas a essa adversidade e perdem totalmente a mobilidade, como se fossem um sapo mirado por uma cobra. Embora bastasse voltar as costas para tal situação, não o fazem e acabam se atirando exatamente na cratera do vulcão da situação adversa, transformando-se em protagonistas de uma tragédia. O desespero, o pessimismo e a autocomiseração é que empurram as pessoas para as dificuldades, impedindo-as de raciocinar e agir com lógica. É por isso que deixam de solucionar o problema a contento e desperdiçam sabedoria.
O homem não foi criado para ser protagonista de tragédia. Conscientizemos que somos criaturas do reino de Deus, “filhos de Deus”. Assim, em vez de arrastados pelas tragédias deste mundo, tomemos atitude de espectador e observemos friamente nossa própria conduta, para decidirmos o caminho a seguir. Convém mentalizar da seguinte maneira:


Sou filho de Deus.
Em qualquer situação com que defronto,
jorra do meu interior sabedoria maior
do que as adversidades.
Só posso vencer infalivelmente, pois a vitória existe dentro de mim.


Do livro: Minhas Orações - Masaharu Taniguchi


Link para essa oração:

http://www.sni.org.br/oracao_teste/oracoes-da-seicho-no-ie.asp?codora=81