Seicho-No-Ie do Brasil recebe Certificação ISO 14001

Veja as Fotos do Evento

Sede Central, Subsede e Academia de Ibiúna receberam importante reconhecimento por atuarem de acordo com diretrizes internacionais de gestão ambiental

A exemplo da Sede Internacional, no Japão, a Seicho-No-Ie do Brasil recebeu, no dia 12 de janeiro de 2010, a Certificação ISO 14001, em encontro realizado no Salão Nobre da Sede Central, em São Paulo. Durante a reunião de início dos trabalhos da semana e na presença de mais de 200 funcionários, o Presidente Doutrinário para América Latina, Professor Yoshio Mukai, e a Diretora-Presidente da Seicho-No-Ie do Brasil, Professora Marie Murakami, receberam o certificado das mãos do diretor da Rina S.p.A. do Brasil, Francisco Sedeño. Com renome internacional como certificadora, a Rina tem sua sede em Genova, na Itália, tendo sido fundada em 1861.

Após um ano e meio de ações na busca pela certificação, três importantes centros da Seicho-No-Ie do Brasil foram auditados no início de dezembro de 2009. A Sede Central, a Subsede e a Academia Sul-americana de Treinamento Espiritual de Ibiúna-SP foram avaliadas positivamente e recomendadas para a certificadora, que promoveu uma reunião de sua comitiva no dia 23 de dezembro. A Seicho-No-Ie do Brasil foi notificada no dia 30 de dezembro de que as suas unidades indicadas para a certificação atuam de acordo com as normas desenvolvidas pela International Organization for Standardization (ISO), que estabelecem diretrizes sobre a área de gestão ambiental dentro de empresas. 

Momento histórico – Ao fazer uso da palavra, o Professor Yoshio Mukai leu mensagem do Supremo Presidente da Seicho-No-Ie, Professor Masanobu Taniguchi, com uma especial saudação pela conquista histórica. “Daqui, desse lado do planeta, envio-lhes uma avalanche de aplausos, tal qual um tsunami”, escreveu o Supremo Presidente.

– Nossa obrigação é continuar com esse trabalho, que está apenas iniciando. – Complementou em seguida o prof. Mukai, referindo-se à meta de certificar, futuramente, cada uma das 118 regionais doutrinárias que abrangem a divulgação do ensinamento em todo o território brasileiro. No Japão, todas as regionais são certificadas com o ISO 14001 desde 2005.

Passos da conquista – Criado em 1º de março de 2008, o Gabinete de Meio Ambiente era comandado pelo preletor Ademir Camilo Teixeira, e hoje sob a chefia do diretor da Seicho-No-Ie do Brasil, preletor Ceueti Nakano, e tendo como sub-chefe a preletora Eleonor Sato, foi o ponto de partida para que a organização mobilizasse seu corpo de colaboradores em uma série de ações como treinamentos, criação de grupos de trabalho, preparação de auditores internos e confecção do Levantamento de Aspectos e Impactos Ambientais (Laia), itens essenciais na escalada rumo à certificação.

Para apoio técnico durante o processo foram contratados o consultor Alexandre Périgo e as empresas Ius Natura e Soluções Consultoria.

– Trata-se de uma grandiosa conquista da Seicho-No-Ie do Brasil, mas também de todos os nossos colaboradores. – Afirmou a prof. Marie Murakami.
A prel. Eleonor Sato lembra que o próximo passo é a certificação das outras duas academias de treinamento espiritual que são de responsabilidade da Sede Central, Santa Fé, na Bahia, e Santa Tecla, no Rio Grande do Sul, que terão até 2012 para se adequarem às normas.

– O esforço conjunto foi enorme. Estão todos de parabéns, mas é bom lembrar que é apenas o início. Temos de trabalhar pela manutenção do sistema de gestão ambiental, pois a cada seis meses teremos nova auditoria externa. – Alerta a prel. Eleonor Sato.
Certificado e lágrimas – Contagiado pelo ambiente festivo, o diretor da Rina do Brasil, sr. Francisco Sedeño, surpreendeu a todos ao fazer um pronunciamento molhado de lágrimas. Voz embargada, Sedeño salientou quanto a filial brasileira da certificadora italiana está honrada em ter a Seicho-No-Ie do Brasil como cliente.

– Tão importante quanto a certificação é o poder que a entidade tem de disseminar a cultura de defesa do meio ambiente através de suas reuniões e canais de comunicação, como os programas de televisão e de rádio. – Destacou o sr. Sedeño.

Ao ser perguntado sobre o que foi preponderante para que a Seicho-No-Ie do Brasil fosse avaliada positivamente pelos auditores, ele citou o empenho de todos em se adequarem às normas. “Chamou nossa atenção o esforço coletivo dos funcionários e colaboradores”, disse.

Foto para a história – Após a entrega do certificado pelo sr. Sedeño às mãos do prof. Yoshio Mukai, a prof. Marie Murakami chamou ao palco os diretores vice-presidentes da Seicho-No-Ie do Brasil, Professor Junji Miyaura e preletor Antonio Oshima, e todos que diretamente estiveram envolvidos no processo de certificação, a fim de que recebessem calorosa salva de palmas.

Encerrado o ato, todos os colaboradores foram chamados para posar para uma foto lembrança que será enviada à Sede Internacional da Seicho-No-Ie, em Tóquio.
Outro momento solene, dessa vez aberto à toda a comunidade paulistana e brasileira, será realizado por ocasião da comemoração da Data de Fundação da Seicho-No-Ie, que é 1º de março, mas que este ano será celebrada no dia 7 de março, também no Salão Nobre da Sede Central, em São Paulo.

Veja as Fotos